Difference between revisions of "Gamma"

From wwwelab
Jump to navigation Jump to search
Line 6: Line 6:
 
===Aparato experimental===
 
===Aparato experimental===
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 +
Este laboratório permite determinar a razão entre os calores específicos do ar, a pressão constante e a volume constante, usando para o efeito as oscilações adiabáticas dum êmbolo num cilindro de dimensões conhecidas.
 
</div>
 
</div>
  
Line 11: Line 12:
 
===Protocolo===
 
===Protocolo===
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 +
O método de Ruchhardt’s para determinar a razão entre o calor especifico a pressão constante e o calor específico a volume constante dum gás é bastante preciso, mas tem uma elevada sensibilidade à medida do período das oscilações. Devido a esse facto recomenda-se desde já um grande cuidado na determinação do período, sendo para tal utilizados dois métodos: a forma da onda captada pelo transdutor de pressão e o período médio determinado digitalmente. Estes dados devem ser utilizados de uma forma crítica, explorando ao máximo a informação que fornecem.
 +
A experiência é constituída por uma seringa, cujo êmbolo tem atrito reduzido por estar lubrificado com grafite e pelo facto da montagem estar colocada numa posição vertical.
 +
Seleccionado um volume de referência, o êmbolo de 26,4 gr. e 18.9 mm de diâmetro é perturbado por forma a oscilar livremente em torno da sua posição de equilibrio.
 +
Do período de oscilação pode ser inferido g.
 
</div>
 
</div>
  
Line 16: Line 21:
 
===Protocolo Avançado===
 
===Protocolo Avançado===
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 +
Efectuando a experiência para vários volumes, pode-se ajustar a melhor função utilizando mais do que um parâmetro. Utilizando como variáveis livres não só g mas também o volume e a pressão, poder-se-á melhorar a precisão da medida, uma vez que a pressão atmosférica pode ter variações da ordem de 1% e porque a medida do volume tem um erro sistemático devido às várias conexões externas à seringa. Note-se que a massa do pistão e o seu diâmetro foram medidos com uma precisão de 0,5%.
 
</div>
 
</div>
  
Line 21: Line 27:
 
===Princípios Teóricos===
 
===Princípios Teóricos===
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 +
Cenas
 
</div>
 
</div>
  
 
<div class="toccolours mw-collapsible mw-collapsed" style="width:800px">
 
<div class="toccolours mw-collapsible mw-collapsed" style="width:800px">
==Elementos Históricos===
+
===Elementos Históricos===
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 
<div class="mw-collapsible-content"></div>
 +
Transcendentais
 
</div>
 
</div>
  
 
Bibliografia
 
Bibliografia

Revision as of 00:55, 10 March 2012


Descrição da experiência

Aparato experimental

Este laboratório permite determinar a razão entre os calores específicos do ar, a pressão constante e a volume constante, usando para o efeito as oscilações adiabáticas dum êmbolo num cilindro de dimensões conhecidas.

Protocolo

O método de Ruchhardt’s para determinar a razão entre o calor especifico a pressão constante e o calor específico a volume constante dum gás é bastante preciso, mas tem uma elevada sensibilidade à medida do período das oscilações. Devido a esse facto recomenda-se desde já um grande cuidado na determinação do período, sendo para tal utilizados dois métodos: a forma da onda captada pelo transdutor de pressão e o período médio determinado digitalmente. Estes dados devem ser utilizados de uma forma crítica, explorando ao máximo a informação que fornecem. A experiência é constituída por uma seringa, cujo êmbolo tem atrito reduzido por estar lubrificado com grafite e pelo facto da montagem estar colocada numa posição vertical. Seleccionado um volume de referência, o êmbolo de 26,4 gr. e 18.9 mm de diâmetro é perturbado por forma a oscilar livremente em torno da sua posição de equilibrio. Do período de oscilação pode ser inferido g.

Protocolo Avançado

Efectuando a experiência para vários volumes, pode-se ajustar a melhor função utilizando mais do que um parâmetro. Utilizando como variáveis livres não só g mas também o volume e a pressão, poder-se-á melhorar a precisão da medida, uma vez que a pressão atmosférica pode ter variações da ordem de 1% e porque a medida do volume tem um erro sistemático devido às várias conexões externas à seringa. Note-se que a massa do pistão e o seu diâmetro foram medidos com uma precisão de 0,5%.

Princípios Teóricos

Cenas

Elementos Históricos

Transcendentais

Bibliografia